Biobanco do Rio de Janeiro (BBRJ)

Os Biobancos de material biológico humano se tornaram um recurso necessário e de grande potencial a longo prazo, para a pesquisa biotecnológica, tanto pela forma organizada com que é aplicada ao armazenamento do material, como pela vinculação das informações associadas dos doadores e dos dados obtidos, que fazem com que os materiais doados e processados tenham o máximo possível de aproveitamento.

O Ministério da Saúde, por meio da Portaria 2201/2011 e da Resolução 441/2011, define Biobanco e estabelece as Diretrizes Nacionais para Biorrepositório e Biobanco de Material Biológico Humano com Finalidade de Pesquisa.

 

BIOBANCO